Terapia Ocupacional

Terapia Ocupacional

O que é a Terapia Ocupacional?

A Terapia Ocupacional auxilia no tratamento de dores, lesões, doenças, distúrbios ou deficiências que dificultam a rotina de trabalho, escola, autocuidado, tarefas domésticas, movimentação em geral, etc. Sendo assim, a Terapia Ocupacional ajuda a pessoa a se adaptar, executar suas demandas e utilizar ferramentas como dispositivos de assistência caso necessário.

O Terapeuta Ocupacional auxiliará portanto no tratamento e em uma melhor compreensão de seus movimentos corpóreos, garantindo com que o paciente consiga dar continuidade e finalizar seu trabalho, suas tarefas, praticar esportes e se manter ativo.

A Terapia pode auxiliar em questões específicas como:

  •         Se alimentar sem ajuda de outras pessoas
  •         Participar de atividades que envolvem o lazer
  •         Tomar banho e se trocar sozinho
  •         Cuidar de tarefas domésticas como lavar roupas e limpar a casa

Quem é o(a) Terapeuta Ocupacional?

O(a) Terapeuta Ocupacional (também chamado de “T.O”), é um profissional formado em Terapia Ocupacional com licença e certificado para praticar suas atividades. Eles podem se especializar em áreas específicas, focando em tipos de tratamento como terapia voltada a pacientes com baixa visão, capacidades motoras, cuidado com crianças e/ou adultos.

O terapeuta ocupacional faz seu planejamento terapêutico individual com base na avaliação e demanda de cada paciente. Cada tratamento é único para as dificuldades de cada um.

Normalmente o T.O trabalha junto à um médico, psicomotricista, psicólogo, entre outros profissionais de diversas áreas para compreender e trabalhar as demandas individuais de cada paciente da melhor forma possível.

O que o Terapeuta Ocupacional faz?

Os Terapeutas Ocupacionais trabalham com pacientes de todas as idades. Em suma, há a análise de como a criança, adulto ou idoso praticam todo o tipo de atividade/tarefa. Após, é feito o planejamento terapêutico para aprimorar a forma como tais tarefas são feitas, tornando-as mais fáceis e fazendo o possível para amenizar cada vez mais a dor.

Na primeira sessão, após análise das necessidades do paciente, o T.O poderá ir à casa do paciente, local de trabalho e escola para observar o que o paciente faz, como e quais mudanças são necessárias. Observando onde estão diagramados os móveis, o terapeuta poderá indicar os melhores lugares para organiza-los visando promover o bem-estar do paciente, tal como indicar dispositivos auxiliares como “garras”, bengala, etc. Sendo assim, o Terapeuta Ocupacional auxilia a aprimorar como fazer as atividades diárias.

O Terapeuta Ocupacional pode: 

  • Prescrever e treinar o paciente para utilizar dispositivos de assistência como assentos sanitários ou cadeira de rodas;
  • Ensinar novas técnicas/maneiras de abotoar a camisa, amarrar os cadarços, entrar e sair do chuveiro ou trabalhar no computador;
  • Auxiliar idosos a evitarem quedas em casa ou áreas públicas;
  • Ajudar pacientes que sofreram de AVC a melhorar o equilíbrio, fazer ajustes em casa para prevenir lesões, construir força muscular e/ou fazer as melhores adaptações possíveis para melhorar a memória e problemas de fala;
  •  Organizar medicamentos e ferramentas domésticas; 
  • Resolver problemas de comportamentos agressivos em crianças;
  • Ajustar coordenação entre visão e habilidades motoras;
  • Trabalhar habilidades motoras para segurar talheres, lápis, caneta, etc.

Quem precisa de Terapia Ocupacional?

Em suma, qualquer pessoa que precisa de grande esforço para efetuar qualquer tipo de tarefa diária pode precisar e fazer Terapia Ocupacional.

Se o paciente possui alguns dos problemas de saúde abaixo, pode ser necessário – após consultar um médico – Terapia Ocupacional:

  •         Artrite ou dor crônica
  •         AVC
  •         Lesão Cerebral
  •         Substituição de articulação
  •         Lesão de medula espinhal
  •         Baixa visão
  •         Doença de Alzheimer
  •         Dificuldade de equilíbrio
  •         Câncer
  •         Diabetes
  •        Esclerose Múltipla
  •         Paralisia Cerebral
  •          Problemas de saúde mental e/ou comportamento

Pode ajudar também crianças com TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), autismo, doenças congênitas, atrite juvenil ou casos de lesões severas em casos de queimaduras.

Onde posso encontrar Terapia Ocupacional?

Nós da clínica Religare contamos com os melhores profissionais do mercado para atender todas as suas demandas. Os profissionais de Terapia Ocupacional (assim como de outras terapias) fazem uma avaliação com a criança/adolescente/adulto/idoso para descobrir quais são as demandas individuais, os pontos fortes e quais habilidades demandam aprimoramento. Além de Terapia Ocupacional, também contamos com Terapia ABA, Psicologia para pais/familiares/cuidadores e pacientes, Psicopedagogia, Fonoaudiologia, Musicoterapia, Psicomotricidade, Fisioterapia e Hidroterapia em um único lugar! Gostaria de conhecer mais sobre nosso trabalho?